A Focaccia

O Pão de Fermentação Natural

Quando falamos em pão, soa como algo muito simples se pensado rapidamente, em vão. O que de fato acontece é que a panificação artesanal é uma arte extremamente complexa de dominar.

 

Técnicas que envolvem precisão, tempo, rigor, respeito e, principalmente, paciência, devem ser os elementos centrais da atividade, não esquecendo da qualidade dos ingredientes, que são poucos.

 

Farinha, água, sal e fermento natural são os ingredientes necessários para fazer um pão. A grande diferença reside na fermentação lenta, onde o pão é submetido a baixas temperaturas que influenciam diretamente no sabor, aspectos físicos e aroma.

A Massa Fresca

Saber combinar os ingredientes para fazer a massa fresca é fundamental para obter a qualidade desejada na hora de saborear um bom prato.

 

Apenas farinha e ovos são suficientes para elaborar o prato mais apreciado em todo o mundo. A massa artesanal é incomparável por diversas razões, sua textura, seu aroma, seu sabor e, principalmente, a facilidade que tem de destacar o sabor do molho, do azeite e do queijo ralado que a acompanha. 

 

Na Itália, a massa é apreciada como protagonista do prato, sendo molhos, queijos, azeites e ervas, meros acompanhantes que fazem a diferença. 

O pão de origem italiana que inspirou o surgimento da padaria artesanal Bella Focaccia, carrega sabores simples e complexos. Uma massa crocante por fora e macia por dentro, que surpreende pelos aromas dos azeites e demais ingredientes que ajudam a compor a estrutura desse pão.

 

O pão é um alimento difundido em diversas culturas (se não todas!) espalhadas pelo globo há milênios, mas em áreas específicas da Itália a focaccia é um produto particularmente famoso e se tornou tradicional por se tratar de um alimento completo quando elaborado com proteínas, vegetais, frutas e outras combinações.